Nome:
Local: São Paulo, São Paulo, Brazil

http://www.facebook.com/#!/profile.php?id=100001407144645

quarta-feira, novembro 01, 2006

Wine in the Afternoon

E você cria o esteriótipo. É perfeito. Todos são.
Aproximações são inaceitáveis. Estragarão tudo. Devo ficar afastado, sem sons, sem movimentos (bruscos), apenas as sombras que consigo perceber do meu canto, quieto.
As semanas perdem os dias, e os dois cada vez mais juntos.
Os exercícos de física já não importam. Ele não precisa mais dessa desculpa, ou de nenhuma outra. Ela gosta do que ele fala, do que ele faz mesmo quando inerte. Ela gosta sim. Ela sorri. Eu sorrio.
[resquícios de esperança]
Vejo-os de mãos dadas. Beijos tímidos, carinhos, meiguices, piegas, piegas...
[e tudo dará certo]
Dias coloridos ressurgem. Músicas alegres, dentes que saltam, olhos que brilham.
O casal que é a minha fluoxetina.
[sim, tudo dará certo]
Passado o período de euforia alheia, continuam na mesma ala, mas em carteiras distantes. Precisavam de espaço. Ela o prendia. Ele a sufocava.
Mais 72 horas. Ele ao fundo. Ela à frente.
Não mais se olham, nem um bom dia. Nada.
[ruínas]
São Paulo voltou à sua cor habitual. O daltonismo prevaleceu.
Não havia músicas furtacores, dentes saltitantes, brilhos no olhar.
Talvez um psiquiatra...
E tudo deu errado.
[eu nunca acreditei]

9 Comments:

Anonymous Dmitri said...

Cartas a um jovem poeta
daquele cego que jamais bebeu
da água lisa, da fonte nua
e repetidas vezes ouve Canto do Sertão
na esperança de que os gritos finais
sejam dela
dela
dela
dela
dela

Ah, insensatez
que você fez...

20:42  
Anonymous Nev said...

Clap, Clap, Clap....

:)



abraço=)

03:42  
Anonymous Renato Prado Fernandes said...

Carolina, você que cria esses textos?

23:24  
Blogger Alexandre said...

http://wallkstreet.blogspot.com/

03:16  
Anonymous luis said...

gostei do seu blog!

15:35  
Blogger Rafael said...

"Wine in the afternoon"?
Bah. Muito aristocrático!
Põe ação nisso aí! Tiro! Explosão!

13:36  
Anonymous a menina no espelho said...

te conheço sem te conhecer?
ou é você?

17:19  
Anonymous luis said...

o problema é que eu sempre quero.

22:24  
Anonymous a menina no espelho said...

não mais se olham
nem ujm bom dia
nada

é cruel a vida.

03:08  

Postar um comentário

<< Home